22 de janeiro de 2020

Atlético

Atlético vence o Uberlândia na primeira rodada do Mineiro

Estreantes mostram boa desenvoltura no primeiro jogo do Atlético no ano
Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético
Foi um Atlético com estreias e reestreia em Uberlândia. Começando pelo técnico Rafael Dudamel, que sentiu o gosto de treinar o time alvinegro pela primeira vez. A vitória sobre a equipe do Triângulo Mineiro foi comemorada pelo treinador, que destacou o cansaço dos jogadores no segundo tempo do jogo.

"Tentamos impor a nossa forma (de jogar). Mas foi passando os minutos e nossa equipe sentiu o desgaste físico. É normal nesta etapa (de preparação). Somamos três pontos valiosos. Foi uma parte da preparação para que, nos momentos importantes, possamos dar as respostas”, ressaltou Dudamel.

Na meta, Michael substituiu com maestria as primeiras opções Cleiton e Victor. O goleiro de 24 anos teve papel fundamental na vitória atleticana por 1 a 0 sobre o Uberlândia ao defender um pênalti no final do primeiro tempo. "É um momento difícil (o pênalti). Já estava finalizando o primeiro tempo e é sempre importante ter goleiros ganhadores de partidas", disse Dudamel.

Na zaga, Gabriel, que voltou de empréstimo do Botafogo, mostrou segurança ao lado de Réver. "Fico feliz. Voltei um Gabriel totalmente diferente. O tempo que eu tive fora, me fez crescer pessoalmente e profissionalmente. Estou feliz em voltar”, destacou o defensor.

O volante Allan, uma das quatro contratações da temporada, mostrou desenvoltura, principalmente no primeiro tempo. A análise é a mesma de Hyoran, que tentou buscar o jogo o tempo todo com boa movimentação, inclusive, sofrendo o pênalti que originou o gol do Galo marcado por Fábio Santos.

Já o atacante Bruno Silva, de 19 anos, teve pouco tempo para se mostrar. O jogador entrou nos minutos finais da partida no lugar do argentino Di Santo. A tendência é que o atleta, que chegou da Chapecoense para o Sub-20 do Galo no ao passado, ganhe mais oportunidades com Dudamel.


Fonte: Hoje em Dia