Publicidade
NOTÍCIA
Cruzeiro
Mano vê Cruzeiro com dois tempos distintos na derrota por 2 a 1 para o Emelec
Técnico do Cruzeiro ainda reclamou de um pênalti não marcado em cima do Sassá
Vinnicius Silva/Cruzeiro
O técnico Mano Menezes avaliou o revés de 2 a 1 diante do Emelec, na noite desta quarta-feira, no Mineirão, pela última rodada da fase de grupos da Copa Conmebol Libertadores. De acordo com o técnico cinco estrelas, o Cruzeiro fez dois tempos diferentes, mas, mesmo assim, criou chances suficientes para conquistar a vitória.

“O Cruzeiro fez dois tempos bem distintos. Fizemos um primeiro tempo abaixo, com dificuldades para criar. Mesmo assim tivemos uma penalidade no Sassá, que na opinião de todo mundo foi pênalti, mas na do arbitro não. Isso nos daria uma saída de vantagem. Voltamos para o segundo tempo com duas alterações, que quase é fato raro, mas achei que era necessário pelo que tinha visto. Puxei Jadson para a segunda função, coloquei Robinho mais a frente, David, a equipe ganhou força e mais jogadores se juntaram ao Sassá. Chegamos ao empate, fizemos mais um gol legal, que o bandeira anulou, que nos daria a virada. No final cometemos um pequeno pecado. Poderíamos ter administrado um pouquinho a última parte. Criamos o suficiente para ganhar o jogo, especialmente no segundo tempo”, opinou Mano.

Os dois gols na derrota por 2 a 1 foram os primeiros que a Raposa sofreu na atual edição da competição, algo raro de se acontecer. Ainda assim, Mano reconheceu que o resultado negativo servirá para a equipe tirar lições para a próxima fase da Libertadores.

“Não é normal uma equipe passar uma primeira fase sem tomar gol. Foi mérito do Cruzeiro. O fato de termos tomado dois gols não é bom, mas não é o fim do mundo. Nossa defesa não é imbatível. Isso é o menos importante de tudo isso. A expectativa vem de fora. A melhor campanha nós poderíamos ter assegurado em nossa casa com um empate. Não é culpa de ninguém, acontece. A expectativa de agora pra frente é maior. A Libertadores é para depois da Copa América. Teremos preparação diferente para todo mundo. O Cruzeiro mais uma vez está nas oitavas. Vamos esperar o sorteio para ver quem vamos enfrentar lá na frente. A equipe estará bem nas oitavas de final e o torcedor vai vir com a gente”, destacou o treinador.

Mano garantiu que derrotas como esta servem, também, para que sejam feitas avaliações sobre eventuais correções na equipe nos jogos futuros, que acontecerão em fases eliminatórias, quando a margem de erro precisa ser menor.

“Nos faltou uma profundidade de passe, um pouquinho mais de personalidade para jogar. Podemos trabalhar um pouco mais coletivamente. Quando essas coisas acontecem, elas te mostram caminhos que você precisa percorrer para melhorar. O futebol não tem só um caminho. Você corre riscos. Temos que achar um equilíbrio para ter qualidade que sempre tivemos sem perder a competitividade, que não podemos perder”, salientou o técnico da Raposa.


Fonte: Site Oficial do Cruzeiro
MAIS NOTÍCIAS
 
 
 
GUIA COMERCIAL
COLUNA UP STREET
Publicidade
WWW.UAIBOX.COM.BR
HOME      NOTÍCIAS      FOTOS E EVENTOS      AGENDA      DICAS DE FILMES      POINT & TUR      CONTATO
Copyright © 2015 Todos os direitos reservados